JRRIO

Sustentabilidade em Projeto e Construção de Casas, Edifícios e Comunidades

A palavra "sustentabilidade" tem o sentido de "poder sustentar-se", ou "ser duradouro ou permanente". O termo sustentabilidade envolve um conjunto de idéias e princípios voltados para o planejamento das atividade humanas no sentido de não degradar o meio ambiente, permitindo assim um o suprimento das necessidades humanas tanto no presente como no futuro, de forma duradoura e permanente.

Sustentabilidade em Prática nos Projetos, Construção e Assentamentos Humanos

Em termos práticos, existem inúmeras iniciativas sendo feitas no mundo com relação à sustentabilidade. Aqui neste website, aborda-se alguns temas com relação à construção, projetos e assentamentos humanos divididos em:

Casa Sustentável | Projeto e Arquitetura Bioclimática | Casa Ecológica ou Eco casa | Ecovilas | Permacultura

Definição de Sustentabilidade

Em termos práticos e gerais, "sustentabilidade" é um termo que envolve um conjunto de príncípios para as sociedades, no sentido de que, as atividades individuais, empresariais e dos governos proporcionem desenvolvimento, suprimento das necessidades humanas com soluções no presente, mas que ao mesmo tempo preservem a biodiversidade e os ecossistemas naturais para as gerações futuras, através de planejamento e atitudes.

Como tudo esta interligado, a aplicação dos principíos da sustentabilidade devem ser aplicados em termos locais, na vizinhança ou região, como em todo o planeta. É necessário uma consciêntização coletiva para alcançar efeito prático e efetivo, e significa proporcionar boas condições de vida sem degradar o planeta.

Desenvolvimento Sustentável segundo a ONU

A conceituação de Desenvolvimento Sustentável surgiu em 1987, como parte de um documento chamado Nosso Futuro Comum (Our Common Future), publicado em 1987. O documento foi elaborado pela Comissão Mundial sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento, comissão esta criada em 1983 pela Assembléia das Nações Unidas. Abaixo a definição:

É um modelo de desenvolvimento que procura satisfazer as necessidades da geração atual, sem comprometer a capacidade das gerações futuras de satisfazerem as suas próprias necessidades.

Significa possibilitar que as pessoas, agora e no futuro, atinjam um nível satisfatório de desenvolvimento social e econômico e de realização humana e cultural, fazendo, ao mesmo tempo, um uso razoável dos recursos da terra e preservando as espécies e os habitats naturais.

 

A Sustentabilidade Envolve o Conceito de Limite Máximo e Mínimo no Uso de Recursos Naturais

Através deste novo exame e abordagem acerca das relações entre o homem e o meio ambiente, fica bem claro que, além de existir um limite mínimo para que se alcance o bem estar da sociedade, existe também um limite máximo quanto à utilização dos recursos naturais. Fica claro que o meio ambiente deve ser necessariamente preservado.

Esquema ilustrativo das interelações do desenvolvimento sustentávelEm 2005, após um encontro de cúpula da ONU, surgiu um documento que refere-se à interdependência de três pilares do desenvolvimento sustentável, tidos como desenvolvimento economico, social e proteção ambiental.

Deste modo, o desenvolvimento sustentável pode ser conceitualmente dividido em três componentes, sendo eles a sustentabilidade ambiental, a sustentabilidade econômica e a sustentabilidade sociopolítica, como mostrada no diagrama.

Agenda 21 e Rio Eco 92

A Agenda 21 é um documento de 40 capítulos, estipulando um programa de ação para promover em nível global um novo modelo de desenvolvimento, onde se deve conciliar a proteção e preservação do meio ambiente, a justiça social e a eficiência econômica.

O documento foi feito em consenso com contribuição de governos e instituições da sociedade civil de 179 paises, através de um processo de preparação de dois anos até a realização da ECO-92 (Conferência das Nações Unidas sobre o Meio Ambiente de Desenvolvimento), realizada no Rio de Janeiro, em 1992.

A Agenda 21 e Desenvolvimento Urbano

A Agenda 21 possui as seguintes premissas quanto a Desenvolvimento Urbano:

  1. O desenvolvimento sustentável das cidades implica em aumento dos fatores que contribuem para a sustentabilidade urbana, e consequentemente redução dos impactos (danos) ambientais no espaço urbano.
  2. Entende que a abordagem da problemática urbana é indissociável da problemática ambiental da cidade, e consequentemente exige que ações de promoção social devem ser conjuntas com a redução de danos ambientais nas cidades.
  3. A sustentabilidade urbana deve estar inserida no contexto e nas opções de desenvolvimento nacional.
  4. Reconher a eficácia de ações locais, e promover a descentralização do provimento de recursos e execução de políticas urbanas e ambientais.
  5. Equilibrar mitigação com inovação de práticas urbanas já existentes que possuam componentes de sustentabilidade.

Agenda 21 e Assentamentos Urbanos

Sobre provomer desenvolvimento sustentável com relação aos assentamentos urbanos, destacam-se os seguintes pontos:

  1. Oferecer habitação adequada à todos os cidadãos
  2. Aperfeiçoar a administração dos assentamentos humanos
  3. Promover o planejamento e manejo sustentavél do uso da terra
  4. Promover a existência integrada da infra-estrutura ambiental, como água, esgotamento sanitário, drenagem e manejo de resíduos sólidos
  5. Promover sistemas sustentáveis de energia e transporte nos assentamentos humanos
  6. Promover atividade sustentáveis na industria da construção